Câncer, por Sousa Filho

Antes pra mim era orgulho
Ter nascido brasileiro,
Mas a corrupção, esse entulho,
Esse câncer verdadeiro
Mata sem faz fazer barulho,
Esse verme hospedeiro
O Brasil já se tornou
O país da malandragem
Em qualquer lugar que eu vou
Se pensa em tirar vantagem
Ele já se transformou
Numa grande sacanagem
O dinheiro é desviado
Pelo corrupto ladrão
O eufemismo aqui usado
Não ameniza a situação
Fico decepcionado
Com tanta corrupção
A verba a ser usada
Em saúde, educação,
Na segurança, em estradas
Em prol da população
Quase sempre é desviada,
Tamanha é a corrupção
Não se iluda, meu irmão
Isso é a ponta do iceberg
Corrupto mora em mansão
O povo aluga um albergue
O larápio anda em carrão
E o povo sempre a pé, segue
Meu orgulho hoje é vergonha
Desse Brasil corrompido
Desse bicho de peçonha
Do nosso povo esquecido
Desse estado de insônia
Do corrupto, aqui nascido

Sousa Filho