Foto de Rua, por Aírton Porto

Cruzeiro do cemitério de São Sebastião

Quinta – feira comemorou-se o dia dos mortos. O pequeno cemitério estava lotado de visitantes com flores naturais, artificiais, coroas coloridas ornadas com flores de plásticos, velas e fósforos nas mãos, que buscavam, uns com a certeza, e outros nem tanto, os túmulos dos seus entes queridos. O cemitério não é o mais antigo, entretanto, recebe o maior fluxo de visitantes nesse dia.  A falta de conservação, – é um outro assunto tratado a parte. Existem vários cemitérios espalhados na cidade, inclusive um mais recente que é da iniciativa privada. Porém, o que chama a atenção, é o cruzeiro, que fica pelo lado de fora do cemitério São Sebastião, nos cruzamentos das ruas Tabajara com a Samuel Santos, no bairro Boa Esperança. Ali, recebe diversas pessoas que vão acender velas para os seus, enterrados em outras cidades.

Foto e texto: Aírton Porto

Salvar